servacademicos@unipiaget-angola.org +244 937 895 271

Académicos defendem o papel da ética e deontologia profissional

Início > Notícias > Académicos defendem o papel da ética e deontologia profissional

A ética e a deontologia profissional favorecem um clima organizacional e harmonioso.

Universidade Jean Piaget de Angola, realizou no passado dia 02 de Dezembro, palestra sobre o tema a ética e a deontologia profissional, nas suas instalações.

Proferindo o discurso de abertura do evento, o prelector, Dr. Paulo Alves, começou por saudar e agradecer o Prof. Doutor Samuel Victorino, Magnífico Reitor da UniPiaget e todos os presentes. “Gostaria de agradecer o Magnífico Reitor, os decanos, coordenadores, professores e toda comunidade académica presente nessa conferência”.

Dr. Paulo Alves, referente ao tema, disse que não é um assunto novo, pois através de uma reflexão todo profissional e académico da conta do que é a ética e a deontologia profissional. “a ética e deontologia é algo essencial para elevação não só da condição humana, mas para excelência do exercício profissional, e sem ela não vamos a lado nenhum do ponto de vista pessoal e profissional.

De acordo com o prelector, a universidade é por excelência o espaço e o tempo que permite ter a clara consciência do profissional que cada um quer ser, e onde se procura a verdade científica.

Continuando, afirmou que o comportamento e atitude ética de um profissional é de elevado valor na medida em que ele está vinculado ou entregado na ciência em que se formou. “Se nos mantermos ligados a nossa área de formação o nosso nível de comportamento moral e de atitude ética mantem-se altos, porque a ciência é aquilo que forma, informa, encanta e eleva a actividade profissional, por isso é necessário que os professores e estudantes apostem-na”.

Acrescentou ainda que a ética e a deontologia profissional, constrói-se a partir da proximidade ou vínculo profundo da dimensão científica que nos formamos e com a qual nos identificamos.

Finalizando, Paulo Alves salientou que a ética e a deontologia encontra-se em diversos contextos, é importante cumpri-la, pois é um instrumento essencial para regulamentação de determinadas situações da actividade profissional, e é uma questão que se tem dedicado estudar em conjunto com alguns profissionais de psicologia em Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique e Portugal.

O coordenador do curso de psicologia da UniPiaget, Gabriel José Ngola, por seu turno, recitou que a ética e deontologia profissional é o cumprimento dos pressupostos da moralidade para não ferir os princípios que a sociedade reserva. “É importante que todo profissional respeite os princípios moral, éticos e deontológicos, porque só havendo o respeito é que o profissional é respeitado pelo exercício do seu trabalho”, concluiu o coordenador.

Mário Diogo, que frequenta o curso de Psicologia e Clínica, satisfeito, referiu que a palestra foi bastante interessante, pois como futuro profissional não há nada melhor que ganhar conhecimento e experiência daqueles que já são profissionais

Indira Munsoku, licenciada em psicologia pela Unipiaget, por sua vez, disse que gostou de estar presente na palestra. “Um dos momentos mais altos da palestra para mim, foi quando o Dr. Paulo Alves abordou acerca do sofrimento moral de pacientes que muitas vezes é causado pelos profissionais por falta de sigilo”.

Dr. Paulo Alves é professor do Instituto Piaget e da Universidade Católica de Portugal há mais de 20 anos, Presidente do Campos de Liceu, Doutor em Psicologia pela Universidade de Coimbra, Representante da NAP (Núcleo Académico de Psicologia) e Membro da Ordem dos Psicólogos de Angola e Portugal.



Por: Júlio Fragoso Paulo

14 de dezembro de 2021