servacademicos@unipiaget-angola.org +244 945 666 306

O Patrono

Vida e Obra do Patrono

Jean William Fritz Piaget, ou simplesmente Jean Piaget, nasceu a 9 de Agosto de 1896 em Neuchâtel, Suíça, e faleceu a 16 de Setembro de 1980 em Genebra.

O seu interesse pela Biologia começa quando tinha 11 anos, altura em que escreve o seu primeiro artigo.

Aos 22 anos, em 1918, concluía o doutoramento em Biologia na Universidade de Neuchâtel, onde também estudou filosofia. No ano seguinte, viajou para França, onde desenvolveu os primeiros ensaios sobre o processo racional de crianças em idade escolar. Anos depois, muda-se para Génova, cidade onde se desenrola a maior parte da sua carreira universitária e onde se casa com Valentine Châtenay, em 1923. Fruto do seu casamento, nasceram três filhos, que viriam a ser influenciadores e impulsionadores das suas primeiras obras ligadas à Psicologia.

Entre vários prémios atribuídos, destacam-se os internacionais Erasme, em 1972, e Balzan, em 1980. A maior recompensa aconteceu através da Fundação Rockfeller, entre 1953 e 1954 que apoiou, financeiramente, a criação de um Centro Internacional de Epistemologia Genética, onde Jean Piaget aprofundou as suas investigações.

Em 1954, Piaget assumia a presidência da União Internacional de Psicologia Científica, cargo que ocupou até 1957.

Ele criou a teoria da Epistemologia Genética ou Teoria Psicogenética, baseada no sistema construtivista da inteligência e na formação e desenvolvimento humano. Jean Piaget considerava a educação como um dos principais pilares para se transmitirem conhecimentos, daí o seu interesse na transformação do sistema cognitivo do homem.

Principais obras publicadas

  • A Linguagem e o Pensamento da Criança (1923)
  • O Juízo e o Raciocínio da Criança (1924)
  • A representação do mundo da criança (1926)
  • A causalidade física da criança (1927)
  • O julgamento moral da criança (1931)
  • O desenvolvimento das quantidades físicas (1941)
  • A génese do número (1941)
  • A noção de tempo na criança (1946)
  • A geometria espontânea na criança (1948)
  • A representação do espaço na criança (1948)
  • Da lógica da criança à lógica do adolescente (1955)
  • A génese das estruturas lógicas elementares (1959)

O Fundador

António de Oliveira Cruz

Carta de Jean Piaget a António Oliveira Cruz

"Deus quer, o homem sonha, a obra nasce"
(Fernando Pessoa, 1888 - 1935)


Assim quis, um dia, António de Oliveira Cruz - Fundador do Instituto Piaget - que o seu sonho se tornasse realidade.